Google+ Badge

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Volta ao mundo em 81 dias - Siracusa


#5 SIRACUSA

Siracusa foi um nome que identifiquei quando olhei para o mapa de Itália . Vou de ilha em ilha. Da Córsega para a Sicília.

Siracusa (em siciliano Saraùsa) é uma comuna italiana da região da Sicília, província de Siracusa, com cerca de 121 000 habitantes. Estende-se por uma área de 204 km², tendo uma densidade populacional de 593 hab/km². Faz fronteira com Avola, Canicattini Bagni, Floridia, Melilli, Noto, Palazzolo Acreide, Priolo Gargallo, Solarino.

Siracusa foi fundada por Árquias de Corinto, a comando do oráculo de Delfos. Árquias, um heráclida, havia causado um tumulto que levou ao assassinato de Acteão (filho de Melisso), e, como os coríntios não puniram os assassinos, Melisso se matou em protesto. Para debelar a cólera do deus Posidão, Árquias foi para a Sicília e fundou Siracusa. A fundação da cidade foi em cerca de 734 a.C..

Foi cidade-Estado até ser conquistada pelos romanos em 212 a.C.. Arquimedes, o matemático e inventor grego, morreu no massacre que se seguiu à rendição da cidade.

Tiranos de Siracusa


Os monarcas de Siracusa são quase sempre chamados de tiranos e não de basileus (reis); uma exceção foi Agátocles de Siracusa, que tinha o título de rei e caio ribeiro

 

“Em 734 a.C. alguns gregos vindos de Corinto e guiados por Archia se estabeleceram na ilha de Ortigia fundando Siracusa, que deriva do nome da vizinha palude Syraka. Mas os gregos tiveram que expulsar outros habitantes presentes desde o XV sec. a.C., provavelmente Siculi.

Segunda colônia grega da
Sicília, a cidade passou por um período de desenvolvimento comercial tanto que fundou em pouco tempo outras três colônias: Akrai em 664, Casmene em 643 e Camarina em 598.
Durante o VI sec. ali aconteceram acesas lutas sociais entre os Gamoroi, descendentes dos primeiros colonos e proprietários de terra, e os Killichirioi, classe pobre. Os segundos conseguiram expulsar os nobres mas a interveção de Gelone, ditador de Gela (485 a.C.), restabeleceu a antiga ordem social e permitiu a Gelone de tornar-se ditador de Siracusa. Sob o seu governo a cidade cresceu e se desenvolveu além da ilha de Ortigia. Apenas passados 5 anos aconteceu o confronto entre Cartagineses e Gregos que venceram os primeiros na batalha de Imera (480 a.C.). Para comemorar a vitória construiu-se um templo, para Atena, em Ortigia, atualmente a Catedral.

Ierone, irmão de Gelone, sobe ao poder em 478 a.C. e derrota os etruscos em 474 a.C. nas águas de Cuma, paralisando a expansão etrusca para o sul.
Logo depois, governou por apenas 1 ano o seu irmão Trasibulo (465 a.C.), que foi expulso pela população por causa de sua política violenta. E, assim instaurou-se uma democracia.
Em 416 a.C. no âmbito dos acontecimentos ligados à Guerra do Peloponeso, Atenas declara guerra à Siracusa. O ponto de partida foi o confronto com Segesta, aliada de Atenas e, Selinunte, aliada de Siracusa que por sua vez aliou-se a Esparta e portanto inimiga de Atenas. O assédio durou 3 anos e quando Siracusa pareceu desistir, recebeu ajuda dos espartanos de Gilippo que venceu os atenienses e condenaram os sobreviventes ao trabalho forçado nas pedreiras, na escavação de pedras de Siracusa.


Em 405 a.C. subiu ao poder Dionísio I o qual, após ter estipulado paz com os cartagineses, fortificou a ilha de Ortigia e erigiu 22 Km de muralhas ao redor da cidade e também a fortaleza do Castelo Eurìalo. Em 397 a.C., após ter conquistado Catânia, 6 anos antes, Dioniso I retomou as diferenças, provocando os Cartagineses em 392 a.C.; conseguiu então inaugurar uma política expansionística na Sicília, patrocinando as artes: Platão foi frequentemente hóspide na cidade.”

Distância de Ajaccio e Syracuse


778,72 km Distância em linha reta

1.368 km Distância de condução

19 horas 35 min. Tempo de condução estimado

 
Enviar um comentário